A Rede Mulher Angola Está Recrutar Ativistas de Comunicação de SBCC ( 34 Vagas)


Ativistas de Comunicação de SBCC

Rede Mulher Angola

ANUNCIO OE VAGA

A Rede Mulher Angola (RMA) é um Fórum de Organizações não Governamentais e Organizações Comunitárias de Base que defendem os interesses de Género em Angola.

A RMA tem desenvolvido actividades de comunicação para mudança de comportamentos em Planeamento Familiar (saúde sexual e reprodutiva) e HIV, nas Unidades Sanitárias que oferecem serviços na Província de Luanda.

Estamos a recrutar 34 candidatos para ocupar as vagas de Ativistas de Comunicação de SBCC, que prestarão serviços em nome da RMA junto das Unidades Sanitárias selecionadas na Província de Luanda.

Objectivo dos Postos: Os (as) activista desenvolverão as suas actividades nas Unidades Sanitárias selecionadas. Eventualmente se mobilizarão para as comunidades a fim de promover a sensibilização, o aconselhamento para procura das consultas de Planeamento Familiar, aderência aos métodos Contraceptivos e testagem voluntaria do HIV.

TAEFAS E RESPONSABILIOAOES:

  • Encaminhamento das utentes que voluntariamente aceitem aderir aos serviços de consulta de planeamento familiar;
  • Preenchimento correcto dos vouchers de encaminhamento, (idade, sexo, data, US, Município, nº de Filhos e outros dados estatísticos);
  • Entrega dos dados coletados ao Supervisor de SBCC:
  • Realização de sessões de sensibilização sobre PF nas Unidades Sanitárias selecionadas;
  • Coletas de dados relevantes sobre aderência ao PF uso dos métodos contracetivos;
  • Garantir o registo dos dados coletados nos arquivos da Unidade Sanitária;
  • Entrega dos dados coletados ao Supervisor de campo, equipa de Monitor a e Avaliação;
  • Realização de outras tarefas que sejam necessárias no âmbito das actividades.

CONDICÕES Exigidas:

  •  Frequência ou ensino medio concluído no curso de enfermagem e uma mais-valia;
  • Forte capacidade de comunicação escrita e verbal da língua portuguesa (falar / ler / escrever corretamente):
  • Conhecimento comprovado sobre Planeamento Familiar;
  • Experiencia comprovada (mínimo: 2 anos) como Activista em uma ONG:
  • Nacionalidade angolana:
  • Mulheres e Homens com idades entre os 20 a 30 anos de idade;
  • Residência fixa no município onde ira actuar;
  • Excelente capacidade de comunicação interpessoal:
  • Sigilo profissional discrição.

OBS. Esta e uma posição local, nenhum pacote de transferência e/ou subsidies disponíveis. O candidate deve mencionar a sua zona de residência ou município.

Os Candidatos devem enviar os CVs, acompanhado da copia do Bl para o seguinte endereço eletrónico: rh@redemulherangola.co.ao com referencia: RMA·PF, ate o dia 29 de Agosto de 2021.

PODERÁ TAMBÉM GOSTAR DE: